Em formação

A superstição do corvo negro (o que aprendi ao cuidar de um corvo)


Tammy trouxe um corvo ferido e um filhote de passarinho para casa para cuidados. Ambos estão seguros agora, leia as dicas dela.

Era uma vez, minha família levou um corvo negro ferido para passar a noite. Dadas minhas superstições sobre corvos, hesitei em trazê-lo para casa, mas não acredito que tenha nos trazido azar.

No geral, foi uma ótima experiência, e espero que o pássaro esteja seguro - embora eu não recomende que você tente cuidar de um corvo ferido, se encontrar um. Embora nossa experiência tenha transcorrido bem, geralmente é melhor deixar essas coisas para os profissionais ou para a família do corvo.

Pensei em escrever este artigo não apenas para compartilhar minha história de superstição, mas também para informar outras pessoas sobre quais informações são necessárias se elas encontrarem um corvo negro ferido que precise de cuidados. (Aqui está uma dica: não traga para casa!) Para ver a história completa de nosso resgate de corvos, role até o final.

Os corvos carregam doenças?

As pessoas costumam associar os corvos negros ao vírus do Nilo Ocidental. Como resultado, a população de pássaros negros diminuiu desde 1999. De acordo com a página do CDC sobre o vírus do Nilo Ocidental e pássaros mortos, você não pode ser infectado ao lidar com pássaros vivos ou mortos com o vírus do Nilo Ocidental. Eu recomendo que qualquer pessoa em contato com qualquer animal exótico não coloque o animal perto de seu rosto.

Certifique-se de que, após manusear um corvo negro ou um animal exótico, lave as mãos em água quente com sabão. Algumas pessoas disseram que corvos e outros animais exóticos também carregam piolhos de animais ou pássaros, mas os piolhos são exclusivos dos pássaros, então os humanos não serão prejudicados por eles. Você pode, no entanto, levar piolhos para seus outros pássaros de estimação, se não tomar cuidado.

E quanto às superstições?

Muitas pessoas acreditam que os corvos negros representam a morte. A superstição pode resultar do fato de que os corvos comem animais mortos e que um grupo de corvos é conhecido como "um assassino". Naturalmente, não há evidências para apoiar essa superstição, mas ela é incrivelmente difundida mesmo assim.

Os corvos são realmente tão inteligentes?

Muitas pessoas não sabem que o corvo negro é uma das aves mais inteligentes do mundo. Seus métodos de comunicação e habilidades de resolução de problemas mostram grande inteligência. Eles também são conhecidos por imitar o canto de outros pássaros, e alguns acreditam que aprendem a "falar" melhor do que a maioria dos pássaros de estimação.

O que fazer Black Clinhas comer?

Os corvos são onívoros e comem quase tudo. Eles são conhecidos por se alimentarem de peixes ou animais mortos, bem como de lixo, ovos, peixes, ratos, minhocas e sapos. Sua dieta deve consistir em uma grande quantidade de proteínas.

Se você encontrou um corvo ferido, você pode oferecer ração, vários grãos e / ou sementes de girassol sem sal.

Você pode manter um corvo como animal de estimação?

Não é recomendado manter um corvo negro como animal de estimação. Os corvos precisam estar com outros corvos, e se você vir um que não é capaz de voar, chame a patrulha de animais ou coloque o pássaro com segurança na árvore mais próxima. Os corvos têm muitos membros da família que os ajudarão a aprender a voar, comer e se proteger. Isso quer dizer que você não deve fazer o que fizemos e trazer o pássaro para sua casa.

O que você deve fazer se encontrar um passarinho?

Embora muitas pessoas possam se sentir tentadas a fazer o que minha família fez e trazer o pássaro para casa na tentativa de reabilitá-lo, essa geralmente não é a melhor ideia. The Humane Society recomenda entrar em contato com um reabilitador de vida selvagem licenciado em vez de tentar ajudar o pássaro sozinho. Para obter mais informações, aqui está um artigo sobre o que fazer se você encontrar um filhote de passarinho.

Um Caw por Ajuda? Nossa história de Crow Rescue

Uma vez, durante nossa caminhada noturna pela vizinhança, minha filha e eu vimos uma nuvem de corvos pretos voando acima de nossas cabeças. Quando chegamos a um certo ponto na calçada, os corvos começaram a gritar mais alto e se aproximaram cada vez mais de nossas cabeças. Para nossa surpresa, havia um corvo menor caído na rua ao lado do meio-fio. Ele também estava gritando muito alto. Minha filha disse automaticamente: "Oh, mãe, por favor, ajude o pobre pássaro."

Eu queria ajudar o corvo, mas e minhas superstições?

Cobrindo minha cabeça e dizendo a minha filha para se apressar, passei pelo corvo ferido e fui para casa. Por que eu não ajudei? Eu era (e ainda sou) um pouco supersticioso em relação aos corvos negros. Você já ouviu falar que eles dão azar? Ou que representam a morte? A superstição é tola para algumas pessoas, mas outras a levam muito a sério. Eu tenho que admitir, eu caio na última categoria.

O que parecia uma hora de caminhada rápida para casa era, na verdade, apenas cinco minutos de caminhada de volta. Minha filha mal podia esperar para chegar em casa e contar ao pai sobre o corvo ferido. Embora eu me sentisse culpada por não parar e ajudar, eu sabia que meu namorado não hesitaria em ajudar o animal ferido - ele adora animais exóticos e animais de estimação. Como eu esperava, minha filha e seu pai pegaram uma caixa e desceram o quarteirão para resgatar o corvo.

Imprinting

Os reabilitadores da vida selvagem usam viseiras para esconder o rosto quando alimentam os calouros porque os corvos marcam facilmente. É melhor evitar interagir com um corvo encontrado para dar a ele a melhor chance de retornar à natureza.

Embora eu estivesse hesitante, trouxemos o corvo para casa.

Em minutos, eles estavam na varanda acariciando, examinando e conversando com o pássaro ferido. Espiando minha cabeça pela porta da frente, parecia que o corvo era tão grande quanto um corvo. No entanto, ainda era apenas um bebê. Enquanto meu namorado o carregava para dentro de casa, fechei os olhos e cruzei os dedos, rezando para que não trouxesse azar ou mortes.

As penas do corvo preto estavam todas arrepiadas e parecia que um gato ou predador o havia atacado, mas não achamos que tenha acontecido isso. Não havia sangue perceptível no corvo, nem tinha membros quebrados. Portanto, presumimos que o pássaro deve ter caído do ninho e ainda não conseguir voar.

Calouros

Os filhotes de corvos parecerão desgrenhados, famintos e até “ficarão boquiabertos” se algo estiver pendurado na frente de suas bocas. É importante não interromper o processo natural de um corvo bebê saindo do ninho. Somente intervenha se você temer que o filhote seja abandonado ou ferido.

Sem saber o que fazer com o pássaro a seguir, entrei na Internet e fiz algumas pesquisas sobre os corvos, incluindo as doenças que eles carregam, informações gerais e - sim - superstições sobre eles.

Depois de uma noite dentro, ele estava ansioso para voltar para sua família.

Cuidamos do corvo e o guardamos durante a noite. Ao longo da noite, o pássaro pousou no dedo do meu namorado e foi muito manso. Ele então o deixou descansar em uma caixa de papelão onde colocou uma toalha limpa para acolchoá-la. Ele também deu água e tentou alimentá-lo. No entanto, o pássaro apenas descansou e não teve apetite. Minha filha e meu namorado foram capazes de acariciar o pássaro sem problemas. Eu, por outro lado, mantive distância dele.

No início da manhã, ele começou a fazer barulhos altos de guinchos. Meu namorado o levou para o pátio para ver se já conseguia voar. Infelizmente, ainda não foi possível. Lá fora, podíamos ver a família do corvo voando e gritando alto. Era como se os pais do corvo estivessem procurando seu bebê. Decidimos então levar o corvo negro de volta ao local onde o encontramos para que sua família o encontrasse. Os corvos mais velhos reconheceram seu bebê e começaram a ser muito protetores, fazendo barulhos altos e caindo cada vez mais perto da cabeça do meu namorado.

Um (aparentemente) resgate bem-sucedido

Mais tarde naquele dia, fomos verificar o corvo e ele tinha sumido. Acreditamos que ele estava se escondendo das pessoas ou foi capaz de seguir sua família até um habitat seguro.

Se você teve uma experiência semelhante de resgate de animais, por favor, reserve um tempo para comentar abaixo deste post. Eu gostaria de aprender mais sobre corvos negros, animais exóticos e animais de estimação exóticos.

© 2010 Tammy Winters

Tammy Winters (autora) de Oregon em 26 de agosto de 2020:

Contanto que ela esteja comendo e não pareça estar fisicamente ferida, eu gostaria de sua companhia. No entanto, se ela estiver machucada e não estiver mais comendo, por favor, leve-a a um centro de reabilitação animal ou centro de resgate ou ligue para eles.

Teresa Woroniecka em 26 de agosto de 2020:

No início do verão mamãe corvo vinha todos os dias para comer enquanto tinha filhotes, mas um de seus filhotes, mãe deixou na minha varanda, desde então, o bebê está todos os dias me visitando, e passa horas sentado na varanda junto comigo, estou alimentando ela, às vezes a irmã dela passa só para comer um pouco da comida dela, e não sei se ela está esperando a família dela ?, ou ela só está segura aqui ?, o que fazer?

Débora em 06 de junho de 2020:

05 de junho de 2020

Quatro verões atrás, descobri um filhote de corvo no meu quintal. Em nosso jardim da frente, temos uma grande árvore de abeto azul com o ninho de corvo. Ele tinha saído do ninho, atravessado nosso telhado e o chão, mas não podia voar - quase não tinha asas. Talvez jogado do ninho por seus irmãos. De qualquer forma, isolamos a seção do quintal onde nossos cães estavam e colocamos uma bandeja com água e ração para cães. Sua família ficou por perto nos observando e pegou a ração para alimentá-lo. Eventualmente, ele aprendeu a pegá-lo sozinho, mas sempre que ele estava por perto, mamãe gritava até alimentá-lo. Sua mãe passou a confiar muito em mim e esperava que eu colocasse a ração e outras guloseimas que ela pudesse alimentar sua família. Foi muito interessante aprender sobre o círculo social dos corvos e conhecer a 'família'. Todos eles passaram a confiar em mim. O que me surpreendeu totalmente é que eles não foram atrás de nenhum dos outros ninhos de pássaros ao redor de nossa propriedade e eu acho que é porque eu os mantinha alimentados. Pode ser...

No verão seguinte, a família inteira ficou feliz em volta de nossas árvores, me observando e realmente me seguindo enquanto eu caminhava com meus cachorros ao redor do quarteirão. Continuei distribuindo ração para cachorro, nozes e restos de comida para eles. No verão passado, o grupo havia diminuído para apenas alguns, a mãe e um dos outros irmãos, eu acho, assim como o bebê que havíamos resgatado.

Neste verão, há apenas um corvo e ele literalmente se senta a cerca de um metro de distância de mim sempre que estou trabalhando no quintal e me segue. Eu continuo trazendo ração para cachorro e outras guloseimas para ele. Presumo que seja o bebê que ajudei, porque está totalmente acostumado comigo. Ele espera por mim na grade de nossa varanda dos fundos, espiando pelas janelas da minha cozinha, esperando por mim várias vezes ao dia. eu não o alimento toda vez que o vejo. Às vezes, ele apenas se senta no parapeito, de costas para mim, apenas olhando para as árvores, etc ... Ele fica sentado lá por meia hora de cada vez, muitas vezes. 3 metros de distância de mim.

Minha família e amigos estão totalmente surpresos que ele seja tão "dedicado" a mim, mas para ser honesto, é um pouco enervante quando estou sentado em nosso quintal ou no deck traseiro e ele / ela decide me visitar, mergulhando e pousando ao meu lado e apenas me encara, fazendo pequenos arrulhos e barulhos estranhos. As pessoas me perguntam se ele me trouxe presentes de agradecimento e posso dizer honestamente que sim. Ele traz pedrinhas redondas, um botão, gravetos estranhos e coisas assim. Ele me devolve coisas que não gosta de comer. hahah! Ele não é fã de pão e os transforma em bolinhas e as deixa na grade do nosso deck.

Enquanto estou sentado aqui, digitando, ele está do lado de fora da minha janela ... esperando. LOL!

Só pensei em compartilhar ...

Vicky em 12 de abril de 2020:

Recentemente, um corvo bateu no galpão do terraço e caiu em nosso estacionamento. O pássaro estava ferido e não podia voar. Levei o corvo ao hospital veterenário e peguei alguns medicamentos. Agora estou cuidando dele há 4 dias, mas ele não pode voar o acho que feriu as asas e não poderia voar novamente.Não sei o que fazer agora.por favor, guia

Anthony em 05 de abril de 2020:

Na Índia, o corvo é considerado conectado com o Senhor Sani, então o corvo deve ser sempre respeitado e alimentado e nunca maltratado, como todos os animais deveriam ser. Alimentar os corvos no dia de Saturno é considerado auspicioso

siva Arivalagan em 3 de agosto de 2019:

Eu acredito que ainda o parente do corvo segue você, mamãe

AB em 08 de setembro de 2017:

Ao ler os comentários abaixo, tive vontade de compartilhar um incidente recentemente. Quando eu estava prestes a estacionar meu carro à noite, notei um filhote tendo dificuldade para se proteger da chuva. Peguei, coloquei dentro, limpei com um pano de algodão e cansei ao máximo para dar água com uma seringa. Como era inflexível não ter nada, pegou uma caixinha de papelão e guardou em cima de um pano. Lembre-se, tudo o que fiz por motivos humanitários. Por curiosidade mandei uma foto dele meu amigo para verificar qual é. Inicialmente pensei que poderia ser de um pardal que depois soube, é um filhote de corvo.

No momento em que meu amigo viu a foto, ele me disse para manter a caixa fora da minha casa, já que Crow é considerado um mau presságio na Índia. Na manhã seguinte, quando notei, estava saudável e na mesma caixa. Mais tarde no

À noite, guardei fora de casa e pela manhã não consegui encontrar ... Espero que esteja em boas mãos.

Tammy Winters (autora) de Oregon em 24 de fevereiro de 2014:

Sim, talvez eu escreva um hub sobre ele um dia ... Obrigado pela leitura.

Ashutosh Tiwari de Lucknow, Índia, em 23 de fevereiro de 2014:

@tammy frost Uma bela história. Você poderia me dizer algo sobre as corujas e sua relação com a bruxaria?

Simon Bedard em 09 de setembro de 2013:

Só nos últimos quase dois anos, tenho alimentado esses pássaros e esquilos no meu quintal todas as manhãs. Sim, eles são muitos corvos também! Estou em Windsor, Ontário, Canadá, e adoro pequenas criaturas. Não, não sou supersticioso com os corvos. Como disse, amo todos eles! Eu só tenho 50 anos e moro no leste de Windsor, adorarei qualquer informação sobre eles .... TOME CUIDADO e DEUS ABENÇOE eles e você e os seus.

helena thomas em 18 de junho de 2013:

fui de férias e deixei minha cachorrinha com meu filho ela tem 13 anos sempre se preocupe com ela quando estou longe ela. meu bebê minha filha e meu filho saíram com ela, mas 4 dias por semana um grande corvo preto grasnava sobre sua cabeça o mesmo 1 cada vez que a tiravam, eles dizem que é um suspiro de morte Eu não acho que os corvos são pássaros legais talvez o corvo novo ela estava sentindo falta de sua múmia

Rosalee Ojeda em 27 de maio de 2013:

Eu amo corvos negros, especialmente quando eles gritam, ou falam uns com os outros, sempre mantive distância. Mas recentemente um deles chegou tão perto de mim e me fez notar. Parecia estar tentando se comunicar, e fiquei paralisado de curiosidade. Sua linguagem corporal foi de total atenção e voou de poleiro em poleiro enquanto eu me movia mais perto da porta da frente de minha casa. Meu marido ouviu os gritos e se sentiu ameaçado por mim, mas assegurei-lhe que estava tudo bem. Que este pássaro era amigável. Hoje, duas semanas depois, vi um pássaro negro ferido no parque e imediatamente peguei as ferramentas para resgatá-lo, mas percebi que esse pássaro não estava sozinho e bem protegido pelo Grande grupo de parentes emplumados ao redor. quando eles voaram sobre minha cabeça fazendo barulho, eu sabia que estava em desvantagem numérica e voltei para minha caminhonete e fui para casa chamar os serviços de controle de animais ou a sociedade humanitária. Feliz Dia da Memória.5-27-13

Tammy Winters (autora) de Oregon em 19 de agosto de 2012:

Não tenho certeza da superstição dos Corvos Negros, mas lamento muito saber sobre seu filho.

Tammy Winters (autora) de Oregon em 19 de agosto de 2012:

Obrigado por compartilhar sua história com dicas úteis. (Frascos de vitamina, boa ideia).

Katherine Fhiba em 16 de agosto de 2012:

Meu filho acabou de falecer. Vi três blacbirds no meu quintal só de olhar. Nunca vi nada assim antes. Existe algum significado por trás disso?

Marissa em 15 de agosto de 2012:

Quando eu era criança, meu irmão trouxe para casa um tentilhão de algum tipo que havia caído do ninho do prédio em que ele trabalhava. Nós o mantivemos em uma caixa inicialmente com garrafas de vitaminas cheias de água quente embrulhada em um pano para mantê-lo aquecido . Nós o alimentamos com gemas de ovo misturadas com água, alimentadas com um saco plástico com o canto cortado. Não sabíamos naquela época que era ilegal mantê-lo. Ele era um animal de estimação maravilhoso. Um dia minha mãe o deixou ir quando eu estava fora. Eu me senti péssimo e acho que ele provavelmente não sobreviveu por muito tempo porque não tinha ideia de como encontrar comida fora de casa. Agora, sempre que encontro um pássaro ou animal, sempre entro em contato com meu reabilitador de vida selvagem local. Recentemente, um corvo foi atropelado por um carro em frente à nossa casa e eu tentei ajudá-lo (com os outros corvos enlouquecendo), mas ele estava gravemente ferido e morreu em poucos minutos. Os corvos gritaram por horas.

Chris em 19 de junho de 2012:

Eu acho que as crenças supersticiosas em relação aos pássaros e à morte são ridículas e claramente anteriores aos anos 1500 - qualquer um que pensa que um pássaro ferido, um corvo ou qualquer outro pássaro, é o portador da morte, precisa realmente ter sua cabeça examinada. Os pássaros são lindos e não têm nada a ver com a morte ou com algum conto de velhinhas.

Na era da pedra - antes que a lógica governasse as pessoas ... as pessoas não entendiam as doenças ou bactérias. pássaros podem carregar bactérias .. e se alguém tocar em um pássaro sem olhar, a mão pode ficar doente e, portanto, o conceito equivocado - se um pássaro está ferido, ajude-o .. não se deixe dominar pela ignorância ..

Solimar em 14 de junho de 2012:

eu amo isso, na verdade já aconteceu comigo antes

Tammy Winters (autora) de Oregon em 6 de junho de 2012:

@ mockingbird303 Bom para você por cuidar do Oscar ... Boa sorte para você. Obrigado por compartilhar sua história.

mockingbird303 em 02 de junho de 2012:

Minha filha voltou para casa depois de levar seus irmãos ao ponto de ônibus. ela me disse que um filhote de passarinho estava no chão e algumas crianças estavam sendo malvadas com ele. fomos verificar e com certeza nuff, estava deitado ali, indefeso.

a família estava chateada, mas eu não podia deixar isso aí, não onde moramos e não com os filhos que adoram animais que eu criei. então, chamamos o controle de animais quando sentamos lá com ele. quando eles vieram a senhora me disse que se eles pegassem eles teriam que sacrificar. olhei para minha filha e disse não, não posso permitir isso. então ela me deu o número de alguns locais de reabilitação, mas eles não puderam vir buscá-lo. então, aqui está, 2 semanas depois e ele ainda mora com a gente, nós alimentamos sua bunda faminta muitas vezes com comida de cachorro encharcada, frango etc. ele ouve minha voz e fica louco. Eu disse a meus filhos que, quando suas penas de vôo surgirem (o irmão arrancou as penas), nós daremos a ele a esperança de que a família não tenha perdido as esperanças. ele caiu do ninho com um empurrão do irmão em que acreditamos. eu acredito que ele era o mais fraco no ninho, pela aparência dele. mas ele ganhou peso, parece feliz e saudável. penas de penugem estão entrando bem. Eu sei que não podemos mantê-lo, então estou tentando não me apegar a isso. mas nós o nomeamos, e seu nome é oscar. lol! ele é um pássaro rabugento, mas nunca bicou nenhum de nós. infelizmente ele ainda não pode empoleirar-se. nós mantemos nossos dedos cruzados por este cara. já que oscar precisa de sua família de volta.

Christine em 20 de maio de 2012:

Encontrei este grande centro enquanto procurava informações sobre corvos, pois temos um "assassinato" (família) de corvos que se empoleiraram em nossas árvores muito altas no quintal. Hoje ouvimos gritos intensos e chamados de três ou quatro árvores e um dos membros da "família" estava em nosso portão e parecia estar ferido. Ele pulou / caiu da cerca, os outros corvos começaram a grasnar e gritar enquanto o pássaro pulava no quintal de nossos vizinhos.

Meu marido estava preocupado com o vírus do Nilo Ocidental, o pássaro agora pulou em nosso denso arbusto no quintal e os outros pássaros estão reunidos em volta das árvores, ainda. É incrível como esses animais são intensamente protetores! Fiquei muito tranquilo ao saber que a transmissão de doenças é incomum e irei procurar amanhã de manhã pelo pássaro ferido. Eu também terei a certeza de amarrar meus cães em vez de permitir que eles corram pelo quintal antes de eu encontrar o pássaro, se ele / ela ainda estiver no fundo do nosso quintal.

Mais uma vez obrigado! Que pássaros interessantes são os corvos! Espero, porém, que eles não fixem residência em nosso quintal, pois parecem abafar o canto de todos os outros pássaros e amamos os tentilhões, cardeais, tordos, e beija-flores e corvos parecem exigir muita atenção com sua linguagem e estrutura social!

Novo em 12 de maio de 2012:

Eu tive um corvo preto caindo do céu e quase batendo no meu carro Eu freiei e virei para não bater e quando olhei para baixo tudo que pude ver foi uma espécie de corvo achatado, era um corvo adulto. contorná-lo e dobrar a esquina enquanto eu estava segurando o tráfego e quando olhei para trás, ele havia sumido, foi a coisa mais estranha que eu já vi Não tenho certeza do que aconteceu ou o que significa

Peter Geekie de Sittingbourne em 6 de maio de 2012:

Obrigado Tammy pela história do Corvo Negro. Eles são uma das aves mais inteligentes, e é por isso que muitas pessoas os temem e falam em termos de Magia Negra - isso é um absurdo total.

Quando menino em Devon, tive um Corvo Negro como animal de estimação (ou para ser mais preciso, ela me teve como animal de estimação!) Todas as manhãs ela vinha para a casa, pegava uma pedra em seu bico e batia no vidro do janela da cozinha. Ela fazia isso 3 vezes ao dia e cada vez era recompensada com uma pequena costeleta de porco. Grande personagem, ela era, até que ela não veio mais.

Ishwaryaa Dhandapani de Chennai, Índia, em 29 de fevereiro de 2012:

Uma história muito bonita sobre sua família cuidando de um frágil corvo bebê e seu conhecimento da supersição do corvo negro despertou meu interesse de leitura. Essa supersição me lembrou do filme de terror Omen-II, onde o corvo malvado é uma parte secundária, mas integrante deste filme. Quando eu estava no ensino superior, na minha casa, minha mãe encontrou um pombo construindo um ninho em nossa varanda. No meu país, pássaros dentro de casa não são considerados bons para a casa. No entanto, este pombo pôs 2 ovos. Mamãe permitiu que ficasse. Demos a ele um pequeno copo de água e uma pequena porção de grãos diariamente. Num dia infeliz, ele lutou com o corvo e aquele corvo venceu. Eu e minha mãe não sabíamos disso até que vimos as penas do corvo. Vimos que a pomba perdeu os ovos. Sentimos muito. Ela parecia muito chateada e depois de alguns dias, ela voou para longe. Ela às vezes visitava nossa varanda e eu sentia sua gratidão, apesar de sua triste perda. Eu esperava que ela tivesse mais bebês e tivesse mais cuidado com eles.

Obrigado por COMPARTILHAR. Interessante. Votado e compartilhado socialmente.

Leslie em 13 de janeiro de 2012:

Muitos anos atrás, quando eu era um colegial de 8 anos e morava em uma cidade de médio porte, costumávamos visitar os fundos de um hotel, porque eles tinham um papagaio falante lá, e era divertido.

Infelizmente, alguém ensinou o papagaio a praguejar, e muito bem.

Então o papagaio desapareceu.

Meses e meses depois, notamos que o Hotel havia colocado um Corvo Negro na velha gaiola de pássaros dos papagaios, e quando descobrimos o corvo, ele já estava falando, e para nossa surpresa, muito melhor do que o velho papagaio de todos os tempos. estava.

Quando digo melhor do que o papagaio, a pronúncia das palavras era muito mais clara, mais parecida com a de uma pessoa real do que com a de um pássaro.

Desde então, ouvi outro corvo falando e também tem sons muito claros.

Admiral_Joraxx das Filipinas em 16 de novembro de 2011:

Esse corvo ainda é jovem, talvez ainda não seja capaz de realizar superstições. haha! Eu tenho ouvido muito essa superstição do corvo. Foi dito que eles realmente agem como tomadores ou guardiões das almas. Embora eu não acredite nisso totalmente. Obrigado por compartilhar isso. ótima leitura. 1 voto positivo!

Tammy Winters (autora) de Oregon em 15 de setembro de 2011:

@chloe É bom saber que você deseja mantê-lo, mas ouvi dizer que é recomendável entrar em contato com o controle de animais. Minha história acima foi a primeira vez que tive experiência com um corvo negro, mas acima Amy afirmou: "A melhor coisa para alimentar um filhote de corvo a curto prazo é comida de cachorro seca embebida em água". Você está convidado a ler o artigo acima novamente e os comentários para obter dicas adicionais. Por favor, deixe-me saber o que acontece. Boa sorte para você.

chloe bammann em 15 de setembro de 2011:

Oi de novo, deixei algo de fora. Eu tenho visto este corvo por cerca de 5 semanas, mas ele está se preparando para voar e é como se ele nem me conhecesse mais. Eu realmente quero resolver isso, então você pode me dar alguns fatos sobre ter um corvo em torno da minha casa como animal de estimação.

Por favor, ajudem?

chloe bammann em 15 de setembro de 2011:

Que tal bebês corvos. eu tenho um em minha casa e as pessoas dizem que eles são bons animais de estimação. posso ficar com ele ou não?

jacqui2011 de Norfolk, Reino Unido em 17 de agosto de 2011:

O que é um grande hub e tão bem escrito. Eu ajudaria qualquer animal doente ou ferido, pois amo todos os animais e pássaros. Quando eu morava na Escócia, tinha um pônei em um quintal local. Certo dia, no chão do estábulo, estava um pombo sentado na palha. Não podia voar, mas não parecia estar ferido. Levei para o meu pai e ele o manteve em sua garagem por alguns dias alimentando-o e deixando-o descansar. Nós o levamos de volta aos estábulos para ver se ele poderia voar e poderia. Ele decolou e voou para longe, então voltou e circulou acima de nós antes de voar. Minha filha disse que estava dizendo "obrigada!" Acho que deve ter ficado atordoado ou exausto, mas ficou bom depois de alguns dias de descanso.

Amy Leu em 09 de julho de 2011:

Gostei de ler sua história do corvo. Eles roubam meu coração: 0 Sou um reabilitador de pássaros selvagens com permissão estadual e federal e tenho um santuário de pássaros selvagens sem fins lucrativos com um corvo e 2 corvos. Você fez o melhor quando um pássaro não está ferido e isso é devolvê-lo aos pais e à família. Os filhotes de corvos são sempre muito dóceis e imprimem facilmente, daí a razão de 2 dos meus corvos, um dos quais fala. Uma vez que uma pessoa imprime um corvo ou corvo, a família dos pássaros nunca o aceita e o bebê não tem ideia de como agir como um pássaro. A melhor coisa para a andorinha-do-mar curta alimentar um corvo bebê é a ração seca embebida em água. A maioria das pessoas não tem ideia de que é ilegal para o público manter um pássaro, elas precisam entregá-lo a um reabilitador com as licenças. Eu o elogio por fazer o que era melhor para o precioso :)

Erin LeFey de Maryland em 22 de fevereiro de 2011:

Hub maravilhoso! Eu me deparei com isso quando estava fazendo pesquisa no Google para meu próprio hub! Eu liguei ao meu. Adoro a história do pássaro ferido e as outras informações que você forneceu. Votei em você, Namaste.

em cima do muro em 26 de janeiro de 2011:

Esta é uma ótima história. Estou em dúvida se gosto de corvos ou não. Eu tenho um assassinato de corvos acampados atrás da minha casa. Limpo constantemente os excrementos dos pássaros dos meus carros porque é muito prejudicial para a pintura. Alguns carros dos meus vizinhos estão completamente cobertos de fezes e isso é nojento! Por outro lado, eles são superinteligentes. Por exemplo, eles acordam cedo e voam para o norte todos os dias ao amanhecer. É como se eles fossem trabalhar. Em seguida, eles voltam à noite. Eles também têm uma rotação estranha. Eles desaparecerão por uma ou duas noites e então retornarão em toda a sua glória de cocô. Bem, essa é a minha história em cima do muro.

Tammy Winters (autora) de Oregon em 22 de outubro de 2010:

Obrigado Susan por compartilhar sua história. Espero que meu artigo tenha ajudado um pouco. Achei que outras pessoas também estariam resgatando corvos. Boa sorte para você e uma coisa que lamento é ter deixado o corvo voltar sem saber se os outros corvos iriam ajudar ou não. O corvo negro que encontramos ainda não era capaz de voar quando o levamos de volta para os arbustos e árvores. Espero que seu corvo negro resgatado melhore.

Susan em 21 de outubro de 2010:

Esta manhã, na escola, meu filho viu várias gaivotas atacando um corvo no céu. O corvo caiu no chão, ferindo sua asa. Ele pegou o pássaro e conseguiu convencer um professor a correr e encontrar algo para colocar o pássaro.

Depois da escola, trouxemos o corvo para casa e construímos uma gaiola rápida para ele no pátio. Quando o colocamos dentro dela, ele entrou em algum tipo de choque e simplesmente caiu! Eu cuidadosamente o coloquei no ninho que construímos, e assim como eu esperava, ele voltou em alguns minutos. Ele agora está empoleirado em um galho e parece estar bem ... além da asa.

Ele parece ser bastante manso e realmente não demonstrou nenhum medo de nós ou fez um único som. Amanhã tentaremos estabilizar sua asa com um envoltório de gaze e esperançosamente ele ficará bem. Deseje-nos sorte!

theherbivorehippi de Holly, MI em 02 de outubro de 2010:

Muito interessante! Eu amo corvos! lol eu teria que ajudar também. Eu sou um otário por ajudar qualquer animal. Boa história!

Tammy Winters (autora) de Oregon em 26 de julho de 2010:

Obrigado Lily por ler minha história, acrescentei mais detalhes para que você saiba o que aconteceu com o corvo. Meu namorado acabou de voltar esta manhã para verificar novamente e ele ainda não consegue encontrar. Esperançosamente, é com sua família.

Lily Rose de A Coast em 26 de julho de 2010:

Ótima história ... mas o que aconteceu com o corvo ferido ??


10 superstições sobre pássaros

O homem primitivo comparava os pássaros aos deuses, acreditando que eram mensageiros ou mesmo representações dos próprios deuses. Graças a essa comparação divina, bem como à sua capacidade de voar alto, não é surpresa que os pássaros tenham adquirido uma reputação quase mítica. Isso deu aos nossos amigos pássaros um papel principal em superstições relacionadas à morte, vida e sorte.

Enquanto algumas superstições de pássaros são quase universais, trazendo sorte ou infortúnio em qualquer idioma, outras têm uma explosão decididamente regional, dando às espécies odiadas por alguns uma chance de redenção por outros. Algumas crenças antigas sobre pássaros chegam a se contradizer, dando a uma espécie uma aura de sorte em uma região e um ar de perversidade em outras.

Às vezes, não é nem mesmo o pássaro em si, mas sim suas ações que trazem sorte ou infortúnio. Claro, pode parecer confuso, mas também torna mais fácil lidar com as interações infelizes das aves e tirar o máximo proveito daquelas consideradas como trazendo um toque de sorte. Continue lendo para aprender as origens por trás das superstições de pássaros e descobrir quais ainda influenciam nosso modo de vida.

10: Corvos estão amarrados à morte da Grã-Bretanha

Durante séculos, meia dúzia de corvos - apelidados de "Guardiões da Torre" - viveram uma vida confortável na Torre de Londres. No século 17, o rei Carlos II decretou que se os corvos deixassem a torre, a estrutura desmoronaria e todo o Império Britânico entraria em colapso.

Muitos consideram essa escolha uma escolha estranha, já que corvos e espécies semelhantes de pássaros negros costumam estar mais associados à má sorte do que à boa. Independentemente disso, desde aquele dia, os corvos permaneceram como hóspedes bem-vindos na torre, encarregados de manter o outrora poderoso império em boa posição. Na prática moderna, as asas dos pássaros são cortadas para encorajá-los a ficar parados, e alguns corvos extras estão sempre disponíveis para garantir que o grupo nunca tenha menos de seis.

Essa previsão pode ter salvado a nação em 2013, quando uma raposa sorrateira conseguiu entrar na torre e se banquetear com um par de corvos azarados chamados Jubileu e Grip. Os britânicos levam essa superstição - e a ameaça das raposas astutas - tão a sério que uma equipe de quatro cuida dos pássaros o tempo todo, garantindo que eles vivam uma vida mimada [fonte: BBC]. Que pássaro poderia pedir mais?

9: Bird cocô? Coisas estão melhorando

Você está passeando do lado de fora na hora do almoço quando, de repente, um pássaro solta sobre você, depositando uma suja mancha de fezes em sua cabeça. À primeira vista, pode parecer o início de um dia realmente ruim, mas os tipos supersticiosos acreditam que na verdade é um sinal de sorte. Melhor ainda, você não precisa deixar a bagunça (que algumas pessoas usam como tratamento para a pele!) Demorar, você pode limpar os excrementos com segurança sem acabar com sua sorte recém-descoberta - a menos, é claro, que você esteja em um navio. Sailors believe that bird droppings should never be removed from the vessel until after the next rainstorm, which will probably take care of most of the cleanup anyway [source: Martinelli].

While most superstitions about bird droppings are positive, some older British tales warn that if the droppings come from a rook, it's actually a punishment rather than a blessing. Getting bombed by the droppings of a rook is penance for not wearing new clothes on Easter [source: Tate]. Maybe it's time to invest in a new Sunday suit.

8: Birds In or Around Houses Spell Doom

If a wild bird somehow manages to enter your home – through a door, window or chimney – you'll suffer a bout of bad luck, and some legends say it foreshadows the death of someone in the home. Keep bad luck and death at bay by keeping birds out in all their forms. That means no bird-patterned wallpaper, crockery or artwork either – as even images of birds can spell doom. In fact, rumor has it that actress Lucille Ball of "I Love Lucy" fame was so fearful of birds in the home that she refused to stay in any hotel with bird-themed wallpaper, pictures or accessories [source: Mikkelson].

This superstition also means you should never bring an injured or sick bird indoors either. Care for it outdoors if you must, but custom says it's dangerous to bring it into your home [source: The Diagram Group]. But even the most vigilant homeowners can't avoid all bird-related bad luck. Blackbirds, who have long been seen as messengers of the dead, can bring death and malice simply by hanging around your home. Other birds, including herons, bitterns and crows, may also bring bad luck or news of death if they decide to circle the skies above your property [source: Webster].

7: Auto-Avian Accidents Carry Grave Meaning

A bird that ends up splattered across your car windshield is a sure sign of bad luck – for both you and the bird. Some believe accidental bird-window impacts just zap your luck, while others describe them as an omen of death. No matter what your beliefs, it's interesting to note that an estimated 80 million birds in the United States meet their end each year by flying into car windows, which means plenty of bad luck to go around.

While it makes sense that faster speeds mean more birds making contact with car windows, researchers have found that birds do pretty well at avoiding cars – up to the point where cars start significantly exceeding the speed of predators. At this threshold, the bird's internal system that tells it when to get out of the way breaks down, making it nearly impossible for it to avoid your car. This may not be much comfort when you're cleaning feathers off your windshield, but at least it can help you to not take the incident too personally [source: Ball].

6: Flight Plans Predict The Future

The ancient Romans observed the flight paths of birds to help them make decisions about the future. After all, since the birds were thought to be somehow communicating with the gods while flying around above the Earth, it kind of made sense that they might actually be able to provide some helpful information to those of us stranded on the ground with no direct line to the gods. The Romans even had a name for it: auspicy, which is just a fancy way of describing the process of divining the future from birds. (And now you know where the word "auspicious" comes from.)

The augur would stand in a sacred spot, facing east, then wait to see which way the birds flew. Birds flying to the right meant good vibes, while those flying to the left encouraged caution. A bird flying toward the diviner meant good luck, while one flying away meant opportunities would be hard to come by. The higher the birds flew, the better the future, while low-flying birds were a sign of bad things to come [source: Webster]. Of course, this is one of those superstitions that was easy to misinterpret depending on where you were located, how you were standing and just how good you were at determining direction with a simple glance.

5: Albatrosses – Good, Bad or Both?

Sailors believe that seeing an albatross while at sea is a sign of good luck, while killing one spells doom and despair. The mighty albatross often flies alongside ships hoping to get ahold of some tasty garbage or scraps upon which it can feast. It's particularly persistent when compared to other birds and will continue following ships long after others have given up and turned back toward dry land.

Legend has it that these birds feel such affinity for ships because they contain the souls of drowned sailors, so killing one is akin to killing a fellow seaman [source: Webster]. Anyone who kills one of these birds is doomed to bear a tremendous burden – or hang an albatross around his neck – a fate masterfully illustrated in Coleridge's poem "The Rime of the Ancient Mariner." The superstition may not be as prevalent these days, when modern instruments and technology make humans less reliant on birds while at sea, but the idiom of hanging an albatross around one's neck has spread beyond the seafaring world to become a common expression representing a heavy burden.

4: Birdcalls Can Mean Plenty

Before the creation of the Internet and round-the-clock news networks, people had little to work with in terms of gaining information or making predictions about future conditions. To make a little more sense out of life, and perhaps in attempt to gain control, people living centuries ago simply learned to take cues from nature, including the calls and sounds of birds.

Legend has it that a songbird that cries while flying brings good luck, while a night bird calling by day – or a bird of prey screaming at any time of day – signifies poor fortune. Superstitious folks also derive information from the direction that birdcalls travel: Calls from the north mean tragedy, while calls from the south mean a successful harvest. Birdcalls from the east are good for romance, while calls from the west offer all-around good luck.

Of course, all bets are off when it comes to crow calls, which always spell bad news, no matter what direction they're traveling – unless the crow happens to be near its nest. If it caws three times in a row, beware: It's a sign that death is on the way [source: The Diagram Group].

3: Window Peckings Bring Death

An estimated 100 million birds die each year by accidentally flying into windows on buildings or homes [source: Mass Audubon Collisions]. These accidental collisions are messy and unpleasant, but not necessarily unlucky – except for the poor, unfortunate bird throwing itself against the window. But what does it mean when a bird intentionally attacks your windows, pecking away at the glass? According to superstition, a bird pecking at the window means death for someone in the home [source: The Diagram Group].

Fortunately, ornithologists have a slightly more scientific take on this behavior. Birds are territorial, and this aggressive pecking is simply a way of defending their turf from what they see as a rival bird – really their own reflection. It's most common among robins, cardinals and other birds that tend to make their homes in areas populated by humans. If you can simply wait out the pecking, it should stop by the time breeding season is over. If not, consider covering windows with a clear sheet of plastic to help obscure the bird's reflection, making it less likely to peck [source: Mass Audubon Collisions].

2: Divining a Peacock's Portent

People around the world are divided on how the peacock's brilliant feathers can influence luck. In much of the Western world, bringing a peacock feather indoors is bad mojo: Any unmarried females in the home will end up as sad old maids, while all others will simply experience a bout of poor luck. The peacock feather also maintains an unlucky reputation in theater, where the feathers are typically excluded from costumes and scenery due to their association with evil and poor luck.

Some attribute this negativity to the characteristic eyes found on the feathers, which are believed to invade your privacy by spying on your home and family. Others associate it with the evil eye, which is often linked to death and the devil [source: Oliver]. Still other superstitious folks believe that the gorgeous feathers give the peacock a sense of arrogance, and bringing these feathers into the home or incorporating them into clothing or décor transfers this arrogance to the feathers' owner.

In the East, particularly India, China and Japan, bringing peacock feathers into the home is a way to increase luck. The feathers provide extra eyes around the house, increasing security and protecting the occupants from death and danger [source: Webster].

1: Crows Just Can't Catch a Break

Some birds just have bad reputations no matter what they do. They don't have to peck at windows or fly into the home to ruin your day. Basically, they bring bad luck just by hanging around. Ever since the Greek god Apollo's white crow turned black, this poor breed of animal has served as an omen of illness, death and other bad news.

Superstitious types believe that a crow hanging near the house means an unlucky future, while others agree it's a sure sign that someone in the house will die. Want to protect yourself during a crow sighting near the home? Forget what the neighbors will think and either bow to the crow or tip your hat to him, which should reduce your risk of disaster. If you happen to see a solitary crow, feel free to make a wish – some see a crow sitting alone as the ultimate good luck charm [source: Webster].

Some associate certain numbers of crows with either good or bad luck, and many link these bird-counting superstitions to the band Counting Crows. Interestingly enough, though, the band's name actually comes from a dire English proclamation that life is "as useless as counting crows" – which has nothing to do whatsoever with luck or superstition [source: Darling].

Author's Note: 10 Superstitions About Birds

In late October 2013, all of the United Kingdom was put at risk when one clever fox managed to sneak into the Tower of London and devour two of the royal ravens. The country and all its lands were saved thanks to some careful planning on the part of the ravens' minders, who had two spare birds on hand to ensure that at least six birds would always be present in the tower. The expired birds, which went by the names of Jubilee and Grip, were quickly replaced with two more ravens, given these same names as tribute – ensuring Britannia would continue to stand strong.


The Differences between Crows and Ravens

O crow, especially the American crow, is a common bird found throughout North America.

  • They are smaller than the raven, and you see them more frequently around cities.
  • They are rather opportunistic birds, feeding off anything and everything they can find that is edible.
  • They have a rounded tail.

Because of their ability to adapt, crows are often regarded as quite intelligent. They have a different bird call than the call of the raven (click the links to hear their sounds).This bird inhabits North America, although other subspecies inhabit other parts of the world.

O raven, on the other hand, is a larger bird, often rivaling the size of a hawk.

The other morning, a flock of about seven of them were scavenging in my yard. While I watched from the window, I noted their immense size. I knew they were ravens and not crows not only because of their size, but also because:

  • Ravens like to hang out in wilder areas and woodlands. I definitely do not live near a city, and my house is surrounded by national forest.
  • Raven feathers have pointier ends than do crow feathers.
  • They sometimes look quite "ruffly" when they puff up their feathers, commonly called a "ruff."
  • These birds are also found throughout the northern hemisphere.


Birds as Omens and the Old Religion

During the Old Times, animals and plants were all associated with Gods and Goddesses. Athena had Owl as her sacred animal, symbolizing her broad awareness and alertness, while Zeus’ sacred bird was the Eagle, symbolizing that as this amazing bird flies so high, so does Zeus can always see the whole world. Everyone had a soft spot for animals, therefore close encounters with animals were supposed to be divine interventions at some point. We have selected the ones who are considered to be the most significant bird omens of all.

1. Hummingbird

Hummingbird is a harbinger of joy and victory over darkness. The Aztec God Huitzilopochtli, who literally means the Southern Hummingbird (or left-handed hummingbird), is considered a warrior. Huitzilopochtli is an incarnation of the Sun and the Solar Forces who keeps on struggling with the forces of Night to keep mankind and the whole creation alive.

Seeing a Hummingbird is an omen of hope. Especially is the hummingbird is hovering, is considered a divine message from Huitzilopochtli, telling you that you can achieve the impossible. Are you close to the truth?

2. Swallow bird

The joyful Swallow bird is considered a very auspicious bird. Swallow birds symbolize the rejuvenating forces of Mother Nature. The coming of Swallow birds is associated with the Spring Equinox, and the Rebirth of Nature. Swallow birds are associated with the return of Goddess Persephone from the Underworld, signaling the beginning of Spring.

When you spot a swallow earlier than the Spring Equinox is considered a most auspicious omen. If swallows choose to build their nest on your house, this is an omen of happiness, fertility, and good luck. However, if someone destroys it, this is a harbinger of bad news.

Want to know more about what else serves as omens? Read 10 Animals As Omens When They Cross Your Path

3. Owl

Owls are believed to be harbingers of doom and carriers of unimaginable wisdom at the same time. (Read here more about Owls as totem animals) Maybe owls know things and they appear to warn us about what is coming – usually something huge – either this is for good or ill. Owls have been associated with many gods and goddess but one of the most powerful associations is with Athena (Minerva) the Goddess of Wisdom in Ancient Greece.

When an Owl appears one has to be extra careful about his/her next steps as the Owl tries to make us ready for what’s coming (it doesn’t have to be bad but it’s certainly very important or even life-changing). If you are a Witch, the appearance of an Owl probably means that our magic is strong and we should be very careful with the energies we summon. We should choose wisely!

Owls are not omens of Bad Luck or Harbingers of Doom (they can be if we see two owls fighting and shouting over a house). They are messengers of News of Great importance. Owls are considered Royal Birds, therefore seeing them can be considered as omens of success.

4. Crow / Raven

These creatures have a bad reputation of being harbingers of death and dark magic. However, although they sometimes can bring bad news, they are the personification of truth. Crow / Raves in the Sacred bird of Thoth, Great Egyptian God of Wisdom and Magic. Moreover, Crow/Raven is sacred to Apollo (the God of Sun), Hera (Queen of the Gods), and Asclepius (God of Medicine).

Seeing a Crow means that truth is going to be exposed to you soon. Ancients believe that wisdom cannot be achieved if you are not ready to receive this information. The sight of a Crow is the divine confirmation that you are now ready! Soon you will learn something really important.

5. Hawk / Falcon

Hawks are symbols of the mighty forces of Good. Both Horus (Son of Osiris and Isis) and Apollo (Greek God of the Sun and Witchcraft) have Falcons/Hawks as their sacred birds. Horus, also called ‘Sky God’, is falcon-headed avenging the Death of his father, Osiris.

When hawks and falcons accidentally cross your path – or just appear out of nowhere – is a powerful omen to be alert, as evil is nearby. Hawk is ready to fight back and attack the evil. Amongst all birds as omens, Hawk is considered to be the one who prepares us for a battle. Are you ready? Shields up!

6. Vulture

Vultures are the sacred birds of Goddess Mut, the primordial Goddess of Water, which every sprang from her and Nekhbet, goddess of Heavens. The priestesses of Nekhbet were called muu (mothers) – signifying their association with Mut, the great Mother – and wore robes of Egyptian vulture feathers. Amongst all birds as omens, Vultures are the most misunderstood.

Vultures are omens of fertility, symbolizing the Great Mother, our Earth. However, something needs to be sacrificed. Success is near but work must be done. The low vibrations need to be transmuted into something greater (vultures were believed to devour the souls of the dead, only to carry them to the other realms).

7. Heron

Herons are wonderful birds who love to hang around lakes and peaceful waters. But did you know, that the earliest depiction of Phoenix – the sacred bird of Resurrection – is in fact a Heron? The Hieroglyph of the Phoenix is a heron, the Benu Bird. Hence, amongst all birds as omens, spotting a Heron is a harbinger of Rebirth.

Herons are considered to be extremely fortunate birds especially if they somehow approach you. Moreover, Herons deliver you a divine message of Rebirth. Let your sorrow die. From its ashes, a new life will soon begin. Time has Come!

Looking to know more about why animals have a spiritual significance? Read Why Having a Dog or Cat Has a Deep Spiritual Meaning

8. Bat

The harbingers of the Night, bats are feared by almost anyone. Not witches, however. What do Bats symbolize? Well, Death of Course!

However, Death in mysticism rarely means physical death. Bats symbolize a significant transition, a major shift. These dark creatures remind you to be alert and use your senses to make the best you can in order to benefit from the change (and the opportunity) that’s really really close! Are you ready?


Pigeon

The pigeon may be the world’s oldest domesticated bird, appearing in both ancient Mesopotamian and Egyptian records. Pigeons belong to the same family as doves, but have very different cultural associations. Whereas doves are perceived as blessed or pure, pigeons are often perceived as dirty pests.

Pigeons have an excellent navigational ability, and have frequently been employed for communication in various situations. Julius Caesar used them, as did the Arabs during the Crusades. In World War II, certain pigeons even received decorations for bravery. Pigeon racing, a challenge in which domesticated birds (sometimes referred to as carrier pigeons or homing pigeons) are released to find their way home and the winner is the one who accomplishes this within the least amount of time, has been (and still is) a popular sport.

Omens and divinatory meaning: The pigeon is a determined creature. It will stay in an area as long as there is food, despite attempts by humans or other birds to chase it away. The pigeon sighting can encourage you to be stubborn and hang in there, regardless of what challenges are thrown in your path.

The pigeon also has strong connections to house and home. If a pigeon appears to you, take a look at your relationship with your home. What does it represent to you? What would you like it to be for you? If these things don’t match up, you know you have work to do. The pigeon is safest in a flock. Don’t discount the strength and support found in a community. Furthermore, remember the importance of communication within that community don’t assume people know things just because you do. Make sure everyone is in the loop regarding important information.


Assista o vídeo: A conquista do Oeste Minissérie completa em 6 episódios Episódio 6 - final Completo (Outubro 2021).